Britânico cobra 8500 euros pela lavagem do carro

Conduzir um automóvel de luxo não é para todos e lavá-lo pode também não ser para qualquer um… Gurcharn Sahota cobra 8500 euros por uma «simples» lavagem de automóvel que de simples tem muito pouco. A operação é de tal forma minuciosa que pode demorar 250 horas até ser concluída.

A estação de serviço de Sahota, de 30 anos, encontra-se em casa dos pais, em Derbyshire. O chão e as paredes são forrados de um material, importado de Itália, que reflecte o mais pequeno risco ou mancha que possa existir num automóvel.

Além disso, Sahota utiliza um microscópio computadorizado, como os que os cientistas forenses usam, para verificar que o carro não fica com nenhuma impureza, e cerca de cem produtos de limpeza diferente.

Para se ter uma ideia do «exotismo» do material usado, cada embalagem da cera utilizada custa cerca de 10 mil euros.

Uma limpeza dedicada que, segundo Sahota, faz sentido: “Quem pode comprar um carro de 600 mil euros, não se importa de gastar algum dinheiro para ter o carro a cem por cento”, esclareceu.

Gurchan Sahota começou no seu negócio há cinco anos, quando limpava carros dos vizinhos. Agora já limpou um dos carros mais caros do mundo: um McLaren F1 GTR.

Fonte: autoportal

Ahn, pois…certo… Ok…250 horas, cerca de duas semanas e meia…

Acho que alguém anda com falta que fazer na vida… Ou será que isto é que é “amor”  pelas 4 rodas…

2 comentários a “Britânico cobra 8500 euros pela lavagem do carro”